A Revelação do Anunciado Tempo do Fim

Livros sobre o tempo do fim por Ronald Weinland


RONALD WEINLAND

Ronald Weinland, autor cujos livros foram publicados em mais de 170 países e foram traduzidos em 10 idiomas, é sobretudo um apóstolo de Deus Todo-Poderoso e Eterno.

Tal como o seu antecessor, o Sr. Herbert W. Armstrong, que foi líder da Igreja de Deus até sua morte, em 1986, Ronald Weinland é um apóstolo na longa linhagem dos apóstolos de Deus, começando com os primeiros 12 apóstolos, que começaram seu ministério no ano 31 d.C., muito antes que surgissem os que falsamente se chamam cristãos.

Ronald Weinland é o último apóstolo no final da era do autogoverno do homem. Esse autogoverno acabará quando Cristo regresse. Cristo então virá para acabar com a Terceira Guerra Mundial e trazer paz a esta terra. A paz que os seres humanos não foram capazes de alcançar nos últimos 6.000 anos. Cristo veio pela primeira vez, há quase 2.000 anos, como o Cordeiro de Deus, que morreu como o sacrifício do Pessach para que os pecados dos seres humanos pudessem ser perdoados. Mas desta vez Cristo virá como um “Leão”, com muito poder para lutar, conquistar e punir àqueles que estão destruindo a terra. Depois disso, ele estabelecerá um único governo em todo o mundo - o governo de Deus - e reinará em paz durante os próximos 1.000 anos.

Embora os relatos históricos sobre isso variem um pouco, muitos dos primeiros apóstolos - incluindo Paulo, o apóstolo dos gentios – foram aprisionados e mortos. O último apóstolo a escrever um livro da Bíblia foi João, que também era apóstolo e profeta. Durante o tempo que ele esteve preso na ilha de Patmos, Deus revelou a ele o que ele deveria escrever no livro do Apocalipse. Ronald Weinland é o único outro apóstolo que também foi ungido como profeta por Deus e por Cristo. Ele é o homólogo de João. Deus revelou a João certas coisas sobre o tempo do fim, para que as escrevesse no livro do Apocalipse. E a Ronald Weinland Deus revelou o “significado” destas coisas e lhe deu a incumbência de revelar isso em livros, mensagens e em um grande número de sermões e entrevistas que foram gravados.

Desde a época de João, quase 1.900 anos atrás, a verdadeira Igreja de Deus não teve um profeta. E em 1997 Deus ungiu a Ronald Weinland como Seu profeta. Seu primeiro livro, O Anunciado tempo do Fim, que foi publicado em meados de 2004, é o produto do que Deus revelou a Ronald Weinland, através de Cristo, sobre o cumprimento dos acontecimentos proféticos do tempo do fim, que começariam na própria Igreja de Deus. Esses acontecimentos começaram em dezembro de 1994, quando o Primeiro Selo do Apocalipse foi aberto. E já a que a maioria das pessoas no mundo não sabe nada sobre a verdadeira Igreja de Deus, elas também não sabem nada sobre esses acontecimentos, que abrangem a abertura dos seis primeiros Selos do Apocalipse. Ronald Weinland também revela que no dia 11 de setembro de 2001 (9/11) o Sexto Selo do Apocalipses foi aberto. O que aconteceu então foi um “símbolo profético” do que acontecerá em breve, mas em uma escala muito maior.

Em seu segundo livro, 2008 - O Último Testemunho de Deus, Ronald Weinland começa a revelar quando os principais acontecimentos do tempo do fim terão lugar, com base no que foi revelado em seu primeiro livro. Neste livro ele revela que o Sétimo Selo do Apocalipse (o último selo) foi aberto em 2008, e também revela o significado das Sete Trombetas desse Sétimo Selo. Ele também revela o que são os Sete Trovões do Apocalipse, algo sobre o qual João não foi autorizado a escrever. É necessário deixar bem claro aqui que todas as datas mencionadas neste livro foram prorrogadas por exatamente sete anos.

Estes últimos acontecimentos do tempo do fim, que levarão aos seres humanos à Terceira Guerra Mundial, começaram em 2008, com a abertura do Sétimo Selo do Apocalipse. Estes acontecimentos começaram com uma grande sacudida do sistema econômico mundial no final de 2008 e no começo de 2009. O que começou então foi adiado para continuar desenvolvendo-se no final de 2015 e no começo de 2016 até chegar a um enorme conflito econômico e grandes calamidades que acabarão por levar ao mundo a uma total destruição econômica.

Esta primeira fase de um enorme colapso económico - que serviu para preparar o terreno para o que viria depois - foi temporariamente adiada graças à uma flexibilização quantitativa que na verdade só serviu para inflar mais ainda um falho sistema que já estava destinado ao fracasso e que acabará levando ao mundo a um colapso global muito pior. Agora esse colapso vai ser muito mais devastador do que se tudo isso tivesse acontecido no final de 2008 e no começo de 2009. Essas últimas profecias revelam o colapso do dólar americano e o colapso e a destruição dos EUA. A destruição causada por essa profetizada última grande guerra atingirá seu apogeu quando estoure um conflito entre dez países europeias - que formaram temporariamente uma aliança – e a aliança formada por grandes potências como a Rússia e a China e outras nações menos importantes que se aliarão a elas. Porque nesse conflito ambos os lados usarão suas armas nucleares.

Ronald Weinland é o último apóstolo que Deus enviou a este mundo. E, como tal, através dele, Deus estabeleceu um último testemunho sobre a atitude e a mentalidade dos seres humanos em relação ao próprio Deus. Isto foi evidenciado por “muitos” que responderam com amargura, o ódio, desprezo, zombaria e difamação para com a pessoa que Deus enviou a este mundo com um último aviso final sobre Seu juízo.

Uma grande parte dessa atitude foi revelada com o julgamento e a prisão de Ronald Weinland pelo governo dos EUA. Ele começou a cumprir sua sentença em fevereiro de 2013 e foi posto em liberdade em fevereiro de 2016. Através do tempo Deus revelou a verdadeira mentalidade dos seres humanos pelo modo como Seus profetas e apóstolos foram tratados. Muitos deles foram presos e até mesmo assassinados.

Ronald Weinland foi acusado de evadir impostos e foi condenado pelo governo federal. Esta acusação foi feita contra alguém que acredita e ensina que ele e os membros da Igreja de Deus devem respeitar o governo da nação em que vivem. A Igreja de Deus ensina seus membros a serem fiéis no pagamento de seus impostos, da mesma forma que eles devem ser fiéis com seus dízimos a Deus. Ronald Weinland foi acusado de ter declarado muitas de suas despesas pessoais como despesas da Igreja. Despesas que não podiam ser declaradas como tais porque, de acordo com a acusação, são despesas pessoais cujo reembolso deve ser contado como parte de seu salário e como tal está sujeito a impostos. Havia apenas dois gastos cuja quantidade era suficientemente alta como para que o governo pudesse usar isso como base legal para uma acusação e posteriormente uma condenação. No entanto, em ambos os casos, são despesas justificadas porque são despesas que foram feitas com base nas crenças e práticas religiosas da Igreja de Deus. Mas o governo não aceitou essa apelação e não admitiu essas despesas como tal. As despesas declaradas não eram pessoais e foram feitas com base nas crenças e práticas religiosas da Igreja.

O fato de que uma quantidade de 300.000 dólares americanos, dinheiro pertencente à Igreja, foi transferida para um banco na Suíça, foi apresentado pela promotoria como se fosse um ato de delinquência. Mesmo depois que ficou claro que em 2002 a Igreja havia sido informada dessa transação financeira e também do fato de que o dinheiro seria transferido para uma conta pessoal em nome de Ronald Weinland. Isso foi feito dessa forma para que a Igreja pudesse continuar com suas atividades durante a Terceira Guerra Mundial, que começará nos últimos anos do tempo do fim (e isso só poderia começar depois de outubro de 2015).

Esta transferência de fundos para a Suíça foi feita porque nós acreditamos que, com base na profecia de que o dólar entrará em colapso durante esses anos, esta pequena quantidade de dinheiro depositada na Suíça poderia ser usada ​​para nos ajudar a continuar a “obra religiosa” que estamos fazendo. Devido à sua neutralidade na Segunda Guerra Mundial, a Suíça era supostamente um “lugar seguro” onde guardar dinheiro durante outra guerra mundial. Mas desde o final de 2015, porque Deus adiou por pelo menos sete anos todos os acontecimentos catastróficos do tempo do fim - incluindo a Terceira Guerra Mundial - Deus revelou que as implicações proféticas para muitas nações mudaram. E isso também inclui a Suíça, que agora vai sofrer muito mais nesta última fase do tempo do fim, e já não será mais um lugar seguro para o dinheiro de ninguém.

Em seu segundo livro, 2008 - O Último Testemunho de Deus, Ronald Weinland explica o que as pessoas devem fazer para sobreviver a esta última guerra - uma guerra nuclear - e continuar vivendo na nova era que Deus dará à humanidade. Isto também inclui aqueles que antes faziam parte da Igreja de Deus e que foram dispersos após a Apostasia. Eles devem se humilhar e aceitar àqueles que Deus enviou a eles.

Da mesma forma que Deus revelou a João o que ele tinha que escrever no livro do Apocalipse durante o tempo que ele esteve como prisioneiro do governo romano na ilha de Patmos, Deus também deu Ronald Weinland uma maior compreensão sobre essas profecias; e ele escreveu isso durante o tempo que esteve na prisão. Seu novo livro, Profetiza Contra as Nações, foi publicado em 2016. Neste livro, Ron Weinland revela as razões pelas quais Deus aprazou todos os acontecimentos do tempo do fim por exatamente sete anos. Neste livro ele se dirige mais especificamente a todas as pessoas e nações do mundo, contando-lhes sobre os profetizados acontecimentos catastróficos que virão sobre eles. Neste livro ele também revela que Deus dará a bilhões de pessoas a oportunidade de sobreviver a tudo isso e continuar vivendo em uma era de paz, na que Cristo governará as nações por 1.000 anos.

Neste livro Ronald Weinland explica que aproximadamente 3 bilhões e meio de pessoas morrerão como consequência dos catastróficos acontecimentos que estão ocorrendo. E isso inclui uma enorme guerra, que causará a maior parte dessa destruição e dessas mortes. Ele também explica que o número de mortos pode ser muito maior, chegando a mais de 6 bilhões de pessoas. Por outro lado, neste livro ele também revela que existe a possibilidade de que centenas de milhões de pessoas possam ser salvas.

Neste livro Ronald Weinland também revela que, porque Deus aprazou todos os acontecimentos do tempo do fim por sete anos, Ele também alterou o resultado do que agora pode acontecer com muitas nações. Em algumas nações, que Deus menciona muito especificamente, a destruição e o número de mortos pode ser reduzido consideravelmente em comparação com o que teria acontecido em 2012, de acordo com a sentença anterior tinha sido determinada contra estas nações. Neste terceiro e último livro, Ronald Weinland fala especificamente sobre essas nações.